domingo, 29 de maio de 2016

SEXO EGÓICO - SEM QUALIDADE - VAMPIRESCO



Aprenda a evitar o sexo egóico onde um ou ambos os parceiros se sentem usados, traídos, ou servidos por seu parceiro (a) em prol da satisfação ou validação pessoal.
As pessoas frequentemente avançam em sexo sem qualidade principalmente como um meio para se sentir atraente, sexy, poderoso (a), masculino, feminino e necessário. Estas são as formas de sentir-se validado (a) e, não há nada de errado em querer ser validado em qualquer um desses modos.
Verdade seja dita, talvez todo mundo queira se sentir atraente, sexy, poderoso (a) e assim por diante. E, o sexo pode ser um meio para isso, mas somente se a versão “junk food “ do sexo é evitada e substituída pela versão extática do sexo que envolve tanto o amor como a intimidade, como o sexo tântrico.
Como isso é feito? Em primeiro lugar, os casais precisam entender a diferença entre o sexo que vem do ego e do sexo que vem de seus corações e almas.
Sexo e ego
Todo mundo tem um ego. É impossível existir sem ele. O ego é o aspecto de uma pessoa que pensa em primeiro lugar sobre as necessidades próprias daquele indivíduo. Todo mundo tem que ter algumas necessidades básicas do ego (para alimentação, vestuário, casa, segurança e amor). Mas, quando o ego cruza a linha e move-se essencialmente para o narcisismo, sugam a vida de todos ao seu redor (como vampiros de energia), como se eles constantemente trouxessem o foco da atenção para si mesma. Em suma, há muito pouca reciprocidade.
E sempre terminam dizendo:
1. "Veja como sou sexy (poderoso (a), maravilhoso (a)) em comparação a você".
2. "Veja como é fácil (amar, dar), porque eu estou disposto a fazer sexo com você mesmo que eu realmente não queira (ou estou mentindo sobre o quão atraente você é, ou apenas usando você, imaginando que você é outra pessoa, ou ocupado pensando sobre o meu dia-dia fingindo estar gostando do sexo, etc.)”.
3. "Veja quão grande eu sou, porque eu consegui fazer sexo com você (normalmente através da dominação, sedução, manipulação, ou culpá-lo (a))."
4. "Veja o quão maravilhoso você é comparado a mim, porque eu sou tão baixo, indigno, e vítima que eu não posso assumir a responsabilidade de partilhar com você os meus desejos e necessidades reais (que me deixa ainda mais maravilhoso (a) já que estou sacrificando tanto de mim para você).”
Não é nenhuma surpresa que sempre que um ou ambos no final terminem se sentindo esgotados, como se eles estivessem tendo relações sexuais com um vampiro sexual. Infelizmente, sem perceber, eles também podem ter orgasmos tóxicos.
Não dá para ter satisfação
Sim, as pessoas que não conhecem nada melhor, ou que têm um baixo senso de si mesmo (a), ou que não entendem como o sexo extático pode ser, "Que diabos!" e se contentam com o sexo que é baseado no ego dando-lhes o sexo de baixa qualidade. Porém, isto não precisa ser assim. Quando cada pessoa aprende a validar a outra de formas saudáveis, amorosas e divertidas, elas crescem em desejo sexual, libido e, finalmente, a sua satisfação com o sexo em geral pode ser extasiante e maravilhoso.

2 comentários:

  1. Generosidade é a palavra ... o sexo é bom quando há generosidade de ambos os lados ...

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde
    Eu como bom Libriano sempre quero que a parceira sinta o pra zer que esta me proporcionando e para mim é vital que isso aconteça se não nada é valido, ou realmente prazeroso, ler teu Blog foi fascinante e vou voltar, escrevo poesia direcionado ao SER MULHER, e isso com afeto, romantismo e uma dose de erotismo, fico feliz em conhecer e vou seguir, pois tu és seguidora do meu ,beijos

    ResponderExcluir